Loading...

terça-feira, 5 de agosto de 2008

Ser Dj qualquer um pode.


Salve pessoal, já não era sem tempo pra eu escrever aqui.

Faz tempo que observo como os eventos e festas nas igrejas têm evoluído, e com essa evolução vão os Djs de música “gospel”, agora o que mais me intriga é, será que tudo o que esse povo tem tocado por ai é realmente crente com procedência atestada? Acho que não, aliás... Tenho certeza que não. Ser Dj é muito fácil, há cursos por ai acessíveis a qualquer pessoa, o Dj cristão além de todas as atribuições normais à categoria, ele deve ser consagrado e ministrar sobre a vida das pessoas para que a festa não seja apenas um entretenimento gospel.

Há raves por ai acontecendo todos os finais de semana, reunindo vinte mil, trinta mil chegando a setenta mil pessoas, garanto à vocês que a música eletrônica é só o pano de fundo para muita podridão que rola as vistas de todo mundo, mas se em um evento cristão não tiver a unção de Deus, será tão vazia quanto uma mega rave com “trocentos” djs e pessoas. O que quero dizer é que tocar por tocar, festejar por festejar, isso a galera aí fora está cansada de fazer, sem a presença de Deus nada faz sentido, todo o esforço de realizar uma festa cai por terra.


Então, tome muito cuidado com quem você contrata para tocar e o intuito das pessoas que estão nas organizações desses eventos, para que não seja mais uma festinha em sua igreja, mas sim que faça toda a diferença em seu bairro, cidade, estado... E porque não no mundo?!

Um grande abraço e fiquem na presença de DEUS
.